Se você não tiver tempo para criar a vida que deseja, acabará sendo forçado a passar muito, muito tempo vivendo uma vida que não quer.

Seja o Ano Novo que você deseja ter
Isi Golfetto
Esqueça as resoluções e promessas de Ano Novo. O novo ano será igual a todos os outros se as suas atitudes permanecerem as mesmas... se você continuar a repetir os erros dos velhos anos. O Ano Novo não tem Papai Noel que traz os seus pedidos embrulhados para presente. Você tem que ir atrás.
O Universo não dá o que você deseja...
o Universo dá o que você faz através das suas ações.
Qual foi o passo que você deu ESTE ANO que o ajudou a conquistar a vida que deseja viver?
Ou... o que gostaria de estar vivendo HOJE mas, o tempo passou, mais um ano está terminando e você continua estacionado... sem ter tido a coragem de decidir mudar para viver a vida que deseja.
Se nada fizer para mudar, o tempo vai passar e o ano vai mudar, menos você.
Se você decidir estudar, você vai mudar. Se nada fizer, o tempo vai passar e você vai continuar no mesmo lugar.
E aquele emprego que tanto você quer. Se decidir investir em seu potencial e trabalhar duro para fazer aquilo que ama, você vai mudar. Se nada fizer, o tempo vai passar e você terá mais uma razão para ficar desapontado.
Sabe aquele casamento falido que você mantém só por aparência? Se você decidir se divorciar, você vai mudar, o tempo vai passar. Se nada fizer, será outro ano de frustrações.
O tempo vai passar... as horas, os dias, os meses, os anos. O tempo não dá pausas para esperar você decidir mudar. Não coloque expectativas para o Ano Novo se nada fizer.
Para viver a vida que você quer é preciso mudar. Quais os possíveis erros ou atitudes que podem estar impedido o seu progresso? O que você pretende fazer, a partir de AGORA para mudar?
Coisas que impedem você de ter a vida que quer

Medo de mudar. A mudança assusta, mas vale a pena se arriscar por algo que você acredita. Pequenas mudanças diárias, fazem grandes diferenças. Comece com algo bem simples como trocar o roteiro de casa para o trabalho, experimentar um prato novo, ouvir e aceitar sugestões, expressar sua opinião. Mudar é se oxigenar... é evoluir... é criar a cada dia a vida que você quer.  Se mudar 1% por semana, terá mudado 52% no ano. Quem tem medo de mudar, passa a vida sem viver.  

Desistir fácil. Desistir é sempre a saída mais fácil do que ficar e lutar. De fato, não há vitórias sem lutas, nem conquistas sem esforço. Quando um objetivo parecer difícil não mude de objetivo... busque novos caminhos. E, se não estiver fácil continuar, procure novas saídas. Retire do seu vocabulário a palavra desistir. Edite a sua história, se reinvente, recomece. Se tiver que desistir, desista das dúvidas que te fazem hesitar.

Não se valorizar. Se você não se valorizar, vai chegar uma hora que todos vão acreditar em você. Aprenda a se valorizar. Reconheça o seu valor. Identifique as suas qualidades. Acredite na sua capacidade e na sua competência. Não se desanime se algo de errado acontecer. Errar faz parte da vida... o importante é recomeçar e aprender com os próprios erros.

Perder tempo com pessoas tóxicas. Se afaste de pessoas negativas. Ignore as pessoas que tentam te diminuir. Quer saber para onde a vida está te levando... olha para o lado. Você é o resultado das pessoas com quem mais convive. Ande com as Feras se desejar se tornar uma delas. Quanto mais você se distanciar das pessoas tóxicas, mais paz você terá em sua vida. Sem plateia não há show.

Gastar tempo com coisas que não te levam a NADA. Quanto tempo você fica em seu smartphone, falando no WhatsApp, olhando a timeline dos seus amigos no Facebook ou Instagram, vendo TV, assistindo filmes ou séries no Netflix? Separar um tempo para dar folga ao seu cérebro é saudável. O problema surge quando esse tempo tira as horas em que poderia estar realizando os seus projetos e se tornam rotina em sua vida. Não desperdice o recurso mais valioso que você tem em coisas que não vão te levar a nada.

Dê o primeiro passo HOJE e diga... VOU FAZER ACONTECER. Acredite em você, tenha consistência, disciplina, coragem e seja perseverante.

A vida é muito curta para repetir o mesmo ano, com os mesmo erros e atitudes equivocadas Se nada fizer você irá continuar reclamando da vida que está vivendo e colocar a expectativa para o novo ano.
Não é o tempo que muda. É você! A cada dia há novas oportunidades de ser melhor, ter o melhor, fazer o melhor. Não espere por um milagre para mudar... você tem que ir lá teimar com a vida.
Nenhum sonho é alto demais para quem tem os seus olhos voltados para cima!
Um Novo Ano está pronto para você... você está pronto?
Um grande e forte abraço
Isi
Outros textos sobre ANO NOVO. Boa leitura.
Eu chego lá. Passos na escalada rumo ao seu objetivo.
Começar. Persistir. Conquistar. Antídotos para combater hábitos que paralisam.
Tudo é uma questão de ótica. Você só retira da vida o que deposita.
Uma viagem de primeira classe a todos nós. Como gerenciar o que você faz com o tempo à sua disposição.
Siga-me.
Bate-papo com Estilo. Inspiração & Motivação - Reposição Diária de Energia.
Equilíbrio Sentimental. Essência Feminina - Espaço Terapêutico da Mulher.  

Não imponha condições para ser grato. Faça da gratidão o seu estilo de vida. Isi Golfetto

Razões para ser grato... mesmo quando tudo está uma droga!
Isi Golfetto
É fácil ser positivo e grato pelas boas coisas que a vida proporciona. Difícil mesmo é olhar em volta e tentar enxergar o que há para ser grato quando tudo está uma droga.
A vida não é perfeita, mesmo assim escolha ser grato
 pelos momentos perfeitos que a tornam especial.

Você se considera uma pessoa grata? De 0 a 10 que nota você dá à prática dessa virtude em sua vida? Você consegue encontrar razões para ser grato mesmo quando tudo parece desmoronar?
Ter um coração grato é mais fácil quando nossa vida está um mar de almirante e céu de brigadeiro... quando tudo é calmaria e os negócios estão indo de vento em popa... quando recebemos uma promoção na empresa ou realizamos a compra da casa dos sonhos... quando a família está em harmonia ou encontramos o amor da nossa vida e esse amor é correspondido.      
Mas, quando o céu se torna cinza e a tempestade chega, o vendaval começa e as ondas balançam a nossa estabilidade de lá para cá, ficamos com a nítida sensação de um naufrágio iminente.... nos abatemos e damos lugar a sentimentos que nos fragilizam.
Como agradecer quando nada faz sentido?
Como ser grato quando tudo parece desabar?
Tal e qual as ondas do mar e as turbulências, a vida é feita de altos e baixos. Precisamos aprender a aceitar e a lidar com os dois... a ser gratos não apenas quando tudo está bem, mas quando as coisas não estão.
Bons marinheiros são forjados nas tempestades, assim como as dificuldades surgem para nos lapidar.
Quando as coisas estiverem bem agradeça, mas quando estiverem ruins procure saber o que pode aprender com a situação e encontre motivos para ser grato.... procure enxergar o bem no mal, a alegria na tristeza, o ganho na dor.
Nos momentos bons escolha desfrutá-los… nos momentos ruins escolha se fortalecer… e em todos eles escolha ser grato.
Não imponha condições para ter gratidão e ser feliz
É impressionante como as pessoas têm a tendência a ser grato e ser feliz apenas quando o cenário é perfeito ou as condições são ideais.
Acreditam que o dia em que adquirirem a casa sempre idealizada, finalmente, vão ser felizes... quando tiverem um emprego bem remunerado ou o negócio prosperando vão ser gratos... o dia em que se casarem com a pessoa dos sonhos serão completamente gratos e felizes.
Não faça parte desse grupo. Não deixe a sua felicidade para depois.
Uma das coisas mais trágicas da natureza humana é que temos a tendência de adiar a vida sonhando com um jardim de rosas mágico no horizonte, ao invés de desfrutar as rosas que estão florescendo em nossas janelas. Dale Carnegie
Como ser grato quando nada parece fazer sentido
Ser grato não significa se convencer de que tudo está bem, quando de fato não está. Ninguém em sã consciência vai agradecer a perda do emprego que é o sustento da família, a perda de alguém querido, ou uma doença. Ser grato não é mascarar os momentos tristes e sem explicação, mas abordar as dificuldades por uma perspectiva diferente.
Ser grato na perda de alguém querido significa agradecer pelos caminhos que um dia se cruzaram, a oportunidade de experimentar juntos momentos maravilhosos que só aquela pessoa pode lhe dar e o privilégio de ter aprendido e crescido através daquele relacionamento.
Por outro lado, colocar o foco e aumentar a importância daquilo que você não tem vai te impedir de valorizar as coisas que você já tem e de apreciar as coisas simples e os momentos perfeitos que tornam a vida mais leve e especial.
Não posso mudar a situação, mas posso mudar como eu me sinto.
Convenhamos, nem todos os dias que o sol brilha, brilhamos juntos. Há dias em que a tristeza bate, estamos mais sensíveis, o nosso humor está em baixa e tudo parece difícil de entender.
Hoje foi um desses dias.
Encontrei uma amiga depois de alguns anos. Conversando ela me contou que está enfrentando um sério problema de saúde.
Comecei a pensar sobre como alguém pode ser grata naquela situação... quais as lições que poderiam ser aprendidas.
Perguntei como ela estava se sentindo e ela disse... quando ajudamos o nosso ponteiro a sair do negativo para o positivo tudo melhora. O fato de saber que estou doente não mudou. Mudou a maneira como me sinto em relação a situação.
Quando optamos por ser gratos e buscar pontos positivos em qualquer que seja a situação que enfrentamos assumimos o controle das nossas emoções ao invés de deixar que ela nos controle.
Ser grato, procurar oportunidades e lições nas adversidades não será uma reação automática. Isso requer prática. É preciso se tornar um hábito. É preciso fazer da gratidão um estilo de vida.

Gratidão, um estilo de vida
A luta acaba quando a gratidão começa.
Já é tradição eu definir uma palavra que vai ser como inspiração durante o ano, tanto para a minha vida pessoal como profissional. Faço um belo post com o tema e o deixo a vista para eu me inspirar a cada dia. 
Para esse ano escolhi a palavra GRATIDÃO. Preparei um recipiente, para semanalmente escrever os motivos de gratidão. No fim do ano terei registrado pelo menos 52 razões pela quais pude ser grata, mesmo quando nada parecia fazer sentido. 
Entusiasmada com o meu projeto decidi presentear a alguns familiares com um pote semelhante como uma maneira de incentivar a cada um a ser grato e se beneficiar dos resultados desse novo estilo de vida.
Que tal você fazer parte desse desafio? Vamos juntos?
Sou grata pelo privilégio de ter a sua companhia. 
Um grande e forte abraço
Isi

Seja nobre como o Sol que tem a humildade de emprestar a sua luz para que outros possam brilhar também. Augusto Branco

Professor, a sua luz ilumina vidas.
Isi Golfetto
Um excelente educador não é um ser humano perfeito, mas alguém que tem a serenidade para se esvaziar e a sensibilidade para orientar... que possui luz própria e a empresta para quem está na escuridão.
Os melhores professores são aqueles que nos mostram
onde procurar, mas não dizem o que devemos ver.
Há uma razão pela qual excelentes professores inspiram... eles têm paixão pelo que fazem.
Posso contar nas mãos os professores que, desde o primário até a graduação e os cursos de especialização, foram realmente dedicados e sempre deram o seu melhor. Mas, é em apenas uma das mãos que consigo contar os  professores de quem recebi orientação eficaz e contribuíram para o êxito da minha carreira profissional, tanto através dos seus ensinamentos como seu incentivo incondicional.
Alunos inspirados por seus mestres se tornam profissionais notáveis. Sempre irão se lembrar de quem promoveu em si, o amor pelo que faz, e irão atribuir várias das suas realizações aquele educador. 
E você, tem ou teve um professor que o desafiou a realizar coisas incríveis, o incentivou a acreditar em seu potencial e o inspirou a perseguir um objetivo? Qual o impacto desse professor em sua vida?
Conta-se que, após um feriado prolongado, o professor entrou na sala da Universidade para dar aula e encontrou os alunos agitados e ansiosos contando as últimas novidades.
Depois de tentar, educadamente, por várias vezes, conseguir a atenção dos alunos, o professor levantou a voz e disse...
Prestem atenção porque eu vou falar isso uma única vez.
O silêncio foi total e o professor continuou.
Desde que comecei a lecionar, e isso há muitos anos atrás, descobri que nós professores trabalhamos apenas para 5% dos alunos de uma turma. Em todos esses anos observei que, de cada cem alunos apenas cinco fazem, realmente, alguma diferença no futuro.
Apenas cinco se tornam profissionais brilhantes e contribuem de forma significativa para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Os outros 95% servem apenas para fazer volume no mercado de trabalho, são medíocres e passam pela vida sem deixar nada de útil.
O interessante é que esta porcentagem vale para todo o mundo.
Se vocês prestarem bem atenção, notarão que, de cem professores, apenas cinco são aqueles que fazem a diferença... de cem garçons, apenas cinco são excelentes... de cem motoristas de táxi, apenas cinco são verdadeiros profissionais... de 100 conhecidos, apenas 5, quando muito, são verdadeiros amigos e de absoluta confiança.
Infelizmente não temos como separar estes 5% do restante, pois isso é algo que só o tempo será capaz de mostrar. Cabe a cada um de vocês escolher a qual grupo vai pertencer.
Agradeço pela atenção. E agora, vamos à aula.
Para pertencer ao grupo dos 5% é preciso dar o melhor de si em tudo o que faz, desde as coisas mais simples até as mais complexas... de uma faxina a um atendimento ao cliente, de um projeto simples a uma cirurgia complexa. 
A qual grupo você pertence?
Seja o que for, faça o seu melhor. Faça a diferença. Faça com excelência.
A excelência jamais é um acidente, disso ninguém tem dúvida.
Para fazer a diferença não importa o que você faz, mas como você faz.
Para fazer a diferença é muito simples, é preciso fazer aos outros aquilo que gostaríamos que fizessem a nós.
E aos professores, tanto aqueles que há muitos anos estão lecionando como aqueles que estão começando, permita, sempre, que a sua luz ilumine a vida de cada um que passar em seu caminho.
Seja luz através de palavras gentis
Você nunca sabe o impacto que suas palavras terão na vida do seu aluno. Assuma o compromisso de motivar e apoiar cada um deles. Muitos não têm, em sua própria casa, carinho, encorajamento ou o modelo de um adulto que se importe com ele.
Seja luz ao ouvir
Separe um tempo para ouvir os seus alunos. Muitas coisas os afligem e a ansiedade e o medo os atormentam. Você vai investir muito mais em seus alunos se parar o conteúdo de uma matéria curricular para ensinar as lições de vida. O que você diz no momento certo e no lugar certo tem o poder de mudar o futuro do seu aluno.
Seja luz em cuidar
Os alunos dificilmente se lembrarão do que você ensinou, mas nunca esquecerão o quanto você se importou. Ensine com um coração que cuida e perdoa mesmo nos piores dias, quando alguns alunos viram a sua vida de cabeça para baixo. Use essa oportunidade para influenciar e impactar a vida de um aluno.
Seja luz no amor
Olhe para os alunos com olhos de amor. Os profissionais que hoje se encontram entre os 5% que fazem a diferença, tiveram um professor que, também, estava entre os 5%. Eles são notáveis porque, ao longo do caminho, um professor disse uma palavra gentil, separou um tempo para ouvir e se importou. 
Seja luz... apoie, ouça, cuide e dê amor e você vai transformar vidas!
Esse é o poder que está em você, querido professor. 
Agradeço a sua companhia, sempre.
Forte abraço
Isi
Outros textos sobre PROFESSOR. Boa leitura.
Professor, a obra é sua. Educar é acreditar na vida.
Que momentos você gostaria de eternizar?  O professor dá ao aluno a oportunidade de acreditar e de escrever a própria história.
A grandeza de um professor. Ser professor é lapidar diamantes e conduzir sonhos!
Siga-me.
Bate-papo com Estilo. Inspiração & Motivação - Reposição Diária de Energia.
Equilíbrio Sentimental. Essência Feminina - Espaço Terapêutico da Mulher.  

Eu jamais iria para a fogueira por uma opinião minha, afinal, não tenho certeza alguma. Porém, eu iria pelo direito de ter e mudar de opinião, quantas vezes eu quisesse. Nietzsche

Bom senso e Respeito
Isi Golfetto
Não há como controlar as coisas que acontecem, mas se pode escolher como reagir diante delas.
A vida é curta... não a encurte ainda mais
com overdose de insensatez.
Dizem as más línguas... as boas preferem o silêncio.
Dizem, também, que na tecla certa você pode dizer qualquer coisa. Na errada, nada. A parte delicada é escolher qual tecla digitar.
Vivemos tempos difíceis onde a raiva e a intolerância estão presentes em todos os espaços e conviver com convicções diferentes se tornou um grande desafio.
Percebemos isso, muito particularmente, com um público que se ramificou através da Internet e redes sociais, que blindados por uma tela postam tudo contra todos.
Em contextos onde opiniões divergentes são compartilhadas e discutidas, o que impera são egos inflamados, com um pensar e falar tão agressivos tornando os diálogos cada vez mais tensos.
A máxima desse público é... discordo do que você diz e defenderei até a morte a minha opinião.
Do jeito que o espírito da tolerância entre os intolerantes está caminhando, daqui a pouco não haverá mais nada para intolerar.
Situações tensas sempre irão acontecer. Não há como evitar.
Eu participava de um grupo de estudos online, quando um dos integrantes nos surpreendeu com a notícia de que um candidato à presidência, que fazia o seu discurso em Minas Gerais, havia sofrido um atentado e estava sendo removido para o hospital em condições críticas.
Um pessoal do grupo, pensando que fosse brincadeira, começou a satirizar.
Essa reação deixou o rapaz exaltado.
Em segundos, como uma Ferrari, fomos de 0 a 100. Os ânimos se alteraram e começou uma acirrada discussão sobre política. Precisei intervir para que a discussão não tomasse maiores proporções e pudesse trazer o grupo de volta para o foco.
Gerenciar conflitos dentro das redes sociais ou fora delas sempre será uma tarefa necessária. Uma informação mal compreendida aqui, um tom de voz mais agressivo ali, um olhar diferente acolá são fatores que podem comprometer a harmonia e a produtividade do grupo.
Qual a nossa responsabilidade diante desse cenário? O que fazer quando os ânimos se exaltam? Como ter uma abordagem inteligente com indivíduos emocionalmente alterados?
Seguem sete passos para ser bem-sucedido ao gerenciar conflitos. O quarto passo é fundamental.
Procure entender o que aconteceu. 
Compreender os fatos permite saber a real gravidade da situação para, então, decidir as melhores ações antes de se envolver na questão.
Reconheça o que pode e o que não pode controlar. 
Diante de situações conflitantes há muita coisa que não pode ser controlada. A única coisa que vai estar sob o seu controle é como você vai reagir. Tentar controlar a pessoa agressiva é perder tempo. Na mente dela o problema é você e nada do que você fizer, provar ou falar vai convencê-la do contrário. Em um momento crítico a coisa sensata é tentar manter o domínio sobre as suas próprias emoções ou tentar mudar de assunto.
Evite o confronto. 
Fogo não se apaga com fogo. Com os ânimos alterados ninguém vai estar em condições de pensar e argumentar positivamente. Procure perceber a cena por outro ângulo, como um observador. De que maneira esse espectador enxergaria a situação? O que ele faria de diferente? Que atitudes teria? Essa troca de lugar vai fazer você ficar menos tenso e menos preocupado e vai perceber o problema com mais objetividade, evitando uma possível decisão precipitada.
Mantenha a calma. 
Uma das maneiras mais rápidas e eficientes de se acalmar é assumir o controle da própria respiração. Respire fundo. Inspire e expire apenas pelo nariz. Novamente, inspire e expire bem devagar. Enquanto respira, feche os olhos e mantenha o foco apenas na sua respiração. Repita esse procedimento 3 vezes, bem devagar.
Relaxado você consegue pensar melhor, controlar o tom da sua voz, falar com serenidade e mostrar uma postura confiante. O controle sobre si mesmo ainda permite a você exercer o poder de modificar uma situação tensa. Treine essa técnica de respiração e comprove. Compartilhe essa técnica com sua equipe e amigos. Segue o link do vídeo - 15 minutos.

Exercício de respiração e relaxamento - acalma a mente e controla o estresse.

Foco na solução do problema. 
Pessoas agressivas, intimidadoras, manipuladoras gostam de apontar o que está errado na maneira que você faz as coisas para que você se sinta desconfortável ou inadequado, em vez de focar em como resolver o problema. Não caia nessa armadilha. Nem fique na defensiva. Mude a dinâmica. Questione o seu agressor com perguntas construtivas e investigativas. Veja como.
Seu agressor. Sua proposta não está nem perto do que eu preciso.
Sua resposta. Não entendo. Seja mais específico.  /  O que, exatamente, você quer dizer?
Mudar o holofote para o seu agressor pode ajudar a neutralizar a influência indevida sobre você. E, acima de tudo, você mantem o foco em dados e fatos relevantes para solucionar o problema.
Seja empático. 
Quando você se coloca no lugar do outro, não significa justificar ou permitir que essa pessoa continue sendo agressiva, controladora, intolerante. Nada justifica um comportamento inaceitável. Ao contrário, você passa a exercer o seu lado altruísta e como um Raio X passa a investigar dentro da pessoa as causas que dão o start para tais comportamentos... o que existe na vida dessa pessoa que a deixa tão suscetível e explosiva? Em quais situações ela fica mais vulnerável? É possível que essa atitude seja uma reação para se proteger ou proteger algo ou alguém? O que ela tem a perder/ganhar com esse comportamento? Como você se sentiria se estivesse em tal situação?
Outra maneira de analisar esse comportamento é completando a frase - não deve ser fácil...
Um parceiro controlador. Não deve ser fácil ter crescido em uma família onde foi dito como pensar e agir.
Um gerente arrogante. Não deve ser fácil ser tão cobrado por seus superiores.
Um colega agressivo. Não deve ser fácil vir de um ambiente onde todos foram forçados a competir.
Quando você cria empatia tem grandes possibilidades de ajudar a pessoa. Por outro lado, você neutraliza os efeitos daquele comportamento em sua vida. Você fica imune às opiniões e ações do outro e não é mais vítima de sofrimentos desnecessários. Você passa a entender que, o que o outro faz e diz é uma projeção da sua própria realidade e nada, na-da tem a ver com você.
Concorde em discordar. 
Ninguém, jamais, será igual a você. Ninguém irá pensar, exatamente, como você. Ninguém irá concordar, completamente, com você. Da mesma forma que você não irá concordar, ser ou pensar, exatamente, como o outro. Discorde, debata e se não houver consenso concorde em discordar. Defenda a liberdade de expressar a sua opinião e manter intacta as suas convicções, mas dê ao outro esse mesmo privilégio que exige para si. E, principalmente, escolha preservar as suas amizades.
Posso não concordar com aquilo que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lo.
Feche os olhos. Respire fundo. Relaxe. Você vai manter atitudes positivas e criar soluções pacíficas.
Agradeço a sua agradável companhia até aqui.
Grande e forte abraço
Isi
Outros textos sobre GERENCIAR CONFLITOS. Boa leitura.
inspira, expira e não pira! Como gerenciar um conflito e manter o controle emocional.
Palavras convencem... exemplos arrastam... Como manter o autocontrole diante de situações estressantes.
Para quem quer voar... Entrar em uma disputa ou praticar a tolerância só depende da sua determinação.
Siga-me.
Bate-papo com Estilo. Inspiração & Motivação - Reposição Diária de Energia.
Equilíbrio Sentimental. Essência Feminina - Espaço Terapêutico da Mulher.  

Não há vento favorável se você não sabe onde quer chegar. Seneca

Stop dreaming... start doing…
Isi Golfetto
Pessoas que estabelecem metas e as cumprem sabem exatamente o que querem, onde querem chegar e o que precisam fazer para chegar lá. Quando os obstáculos surgem passam a ser encarados como uma etapa do seu plano e não um empecilho. São pessoas altamente motivadas, de visão e que trilham a rota do sucesso.
Lamentável não é deixar de alcançar a sua meta.
Lamentável é não ter nenhuma meta para alcançar.
Se, alguma vez, você teve a experiência de traçar metas e tentar cumpri-las, sabe o desafio que foi realizar o objetivo. E, também, sabe como é muito mais fácil lamentar os insucessos que surgem e abandonar o objetivo, do que persistir e vibrar com as pequenas conquistas.
Por que isso acontece?
O texto O que pode impedir você de conquistar um objetivo procura abordar alguns equívocos na hora de estabelecer metas.
Sem compreender a importância de alguns conceitos a pessoa fica à deriva, com grandes chances de não cumprir o seu objetivo.
Como mudar essa situação?
Um planejamento bem elaborado, com um plano de ação adequado, vai colocar em perspectiva todo o processo desde compreender o por que do nosso objetivo, as metas e prazos apropriados até a sua realização.
Antes, porém, vamos entender o processo em suas várias etapas.
Uma meta sem um plano é apenas um desejo.
Sempre há aquele momento em que temos um desejo de ter, fazer ou mudar alguma coisa, desde cortar o cabelo até fazer uma viagem.
Contudo, desejos vêm e passam. Se quisermos concretizar esse desejo é preciso agir, ultrapassar possíveis obstáculos, ser automotivado, persistente e só parar quando cumprir o objetivo.
Vamos supor que o desejo seja cortar o cabelo.
Essa ideia vai dar início a todo um processo. A resposta a algumas perguntas poderá ajudar a alcançar o objetivo com sucesso. O que motivou você a querer cortar o cabelo? Quais os benefícios que esse novo corte vai lhe proporcionar? O modelo desse corte é o ideal para o perfil do seu rosto? Quanto está disposto a pagar pelo corte?
Objetivo. Cortar o cabelo para ter um look mais moderno e jovial. Radicalizar.
Metas. Pesquisar um corte ideal ao perfil do rosto. Verificar a lua (há quem acredite na influência da lua para o corte). Ligar para o profissional que cuida do cabelo e marcar o dia e hora. Saber o preço do corte. Estar no local no horário agendado.
Simples assim. Um planejamento com objetivo claro, metas e prazos definidos e o resultado conquistado!
Será? Nem sempre isso acontece. Há pessoas que desistem de seus projetos... de um corte de cabelo a um SIM no altar. Mas, o que pode levar alguém a não colocar em prática o que investiu tempo planejando? A desistir de executar o que quer? Por que isso acontece?
Como não se sabotar rumo ao seu objetivo
Há um objetivo que lidera a lista dos mais desejados - emagrecer. Afinal, quem não quer iniciar o ano e deixar para trás os exageros gastronômicos, alguns quilos desnecessários, curtir as merecidas férias mais leve e poder desfilar poderosa naquele biquíni ou entrar linda e maravilhosa naquela calça de 1 ano atrás! E, animadamente, a pessoa diz...
Meu Objetivo. Emagrecer 10 quilos e ganhar a minha auto-estima de volta.
Mas, ao invés de listar as metas para alcançar o objetivo essa pessoa começa a alimentar pensamentos que irão interferir e até paralisar as suas ações. Ela começa o processo de se autossabotar...
Não consigo deixar de comer pão branco no meu café da manhã.
Essa dieta não permite comer doce.
Eu não gosto de verduras.
Perdi só meio quilo em dez dias da outra vez.
Vamos combinar... ninguém entra em uma batalha pensando em perder.
Em primeiro lugar é indispensável manter em mente o por que decidiu emagrecer, então buscar meios de fortalecer o seu domínio próprio e transformar essas falas sabotadoras. Ao invés de dizer...
Não consigo deixar de comer pão branco... diga, posso substituir por pão integral ou por uma banana amassada com aveia e com o tempo vou me adaptar.
Essa dieta não permite comer doce... diga, posso substituir o doce por uma fruta.
Eu não gosto de verduras... diga, vou aprender a comer verduras.
Perdi só meio quilo em dez dias... diga, fiquei meio quilo mais leve.
Não corrigir nossas falhas é o mesmo que cometer novos erros. Confúcio
Crie um estilo de vida de uma pessoa magra.
Emagrecer não é algo que você decidiu e pahaa... acontece. Emagrecer é um processo. Não acontece da noite para o dia. Aquela roupa que não te serve mais, não foi resultado de apenas um mês, mas de vários meses chutando o balde e de muito sedentarismo.
Emagrecer não é só dieta e perder peso. Emagrecer anda de mãos dadas com uma reeducação alimentar, exercícios, disciplina, força de vontade e muita paciência. Com disciplina na alimentação e nos exercícios levará, em média, 3 meses para começar a notar algum resultado, segundo especialistas.
Esses conceitos e ações precisam estar claros. Caso contrário as pessoas ficam vulneráveis, frustradas e, na maioria das vezes desistem no meio do caminho por esperarem resultados milagrosos a curto prazo.
Mudar dói. Ficar como está dói. Escolha uma dessas dores e pare de reclamar.
Visão com ação
Um plano de ação dá a visão dos resultados obtidos através das metas, dos objetivos e prazos, Permite trazer o seu objetivo para o foco e facilita a sua autoavaliação.
Se observe mais. Enquanto estiver no processo procure reparar suas emoções, sentimentos e pensamentos. Foque no positivo, na meta que conseguiu atingir e siga motivado.
Analise suas reais necessidades e vontades.
Não faça nada que possa se culpar depois. Ao contrário, se pergunte antes... por que pegar dois pedaços de bolo se um é o suficiente... por que ir de carro se posso ir à pé... por que ir ao shopping se posso caminhar no parque.
Seja coerente e paciente. Estabeleça prazos, mas leve em consideração o seu ritmo. Não importa o quão devagar você vá... desde que não pare.
A diferença entre uma pessoa que atinge o seu objetivo daquela que precisa reiniciar o tempo todo é que a primeira nunca desistiu.
Colocar em prática
Qualquer que seja a sua meta ela só irá se concretizar através de ações. Um plano de ação, mesmo que bem simples, vai organizar e facilitar a sua rotina e otimizar o seu tempo para executar cada passo de maneira satisfatória.
O primeiro passo pode não te levar para onde você quer ir, mas te tira de onde você está.
Me acompanha?
Resolução
Emagrecer
Objetivo. O que quer alcançar.
Emagrecer 10 quilos, em 8 meses, com reeducação alimentar e atividade física.
Metas. Como alcançar o objetivo.
Ser disciplinado
Começar a caminhar no parque, 2x por semana, pela manhã
Utilizar escadas em vez de elevador     
Seguir uma dieta adequada e balanceada
Não deixar por perto chocolates, biscoitos, salgadinhos
Evitar alimentos industrializados, processados e embutidos
Agora você...
Escolha um objetivo.
Por que esse objetivo é importante?
Descreva o que quer alcançar.
O prazo / data para cumprir o objetivo.
Como vai alcançar o objetivo (as metas e prazos).
Escreva a sua primeira ação em 24 horas.
A estrada para o sucesso está sempre em construção.
Só você sabe o quanto precisa batalhar para alcançar cada pequena vitória e conquistar o seu objetivo. Não se desanime quando algo não sai como planejado. O importante é aceitar e saber que nem sempre tudo depende de nós. É preciso saber que temos um novo dia para recomeçar. E, quando a conquista chegar a sua alegria e a endorfina serão tamanhas que você vai querer ir em busca de novas e emocionantes metas.
Nunca desista de algo que você realmente quer. É difícil esperar, mas é ainda mais difícil se arrepender.
Boas e desafiadoras metas e bom trabalho!
Grande e forte abraço
Isi