Ser mãe é viver eternamente em pausas. Isi Golfetto

As pausas da maternidade 
Isi Golfetto

Você pode ter crescido, pode ter mudado para longe, pode até não falar frequentemente com ela, mas no coração da sua mãe sempre haverá uma pausa para esse alguém tão precioso que, um dia, ela segurou em seus braços.

Na pausa não há música... 
mas a pausa ajuda a fazer a música.

Mãe, um viver eterno em pausas

As notas musicais podem ser reproduzidas por muitos músicos e encantar seus ouvintes, mas são as pausas entre as notas onde a magia acontece.

É nesse exato instante, que sem perceber, o ouvinte fica aprisionado no tempo da música.

A pausa leva a inversão da direção da atenção. O ouvinte deixa de ouvir os sons externos e passa a ouvir dentro. O que desaparece para o ouvido ecoa em seu interior.

A pausa musical representa o silêncio dos instrumentos, na maternidade consiste na pausa da mãe sobre si mesma.

Mães sabem que há certa magia nas pausas da maternidade. Elas sabem que é nesse momento onde reside a sua obra de maior valor. Pausas significativas que podem se converter em algo positivo no futuro do filho, em que o ruído exterior perde a sua força e dá lugar a um tempo precioso que vai ecoar para sempre em seu interior.

Assim, por um tempo, a mãe...

pausa o sono...

pausa a vida profissional... pausa a promoção...

pausa a poupança... a saída com as amigas... as reuniões sociais... os planos de viagem...

pausa a sua rotina para se dedicar ao filho... para brincar... para ajudar nas tarefas escolares... para ouvir sobre seu encantamento no amor e também sobre as suas desilusões... para aconselhar... para incentivar os seus sonhos... 

e, por toda a sua existência... 

pausa o seu coração na preocupação... 

o seu pensamento em oração... 

e, pausa a sua própria vida para apoiar o filho.

Então, chega a hora do filho voar para longe dela, na conquista dos seus sonhos e para viver a sua independência. Mas, ela sabe que ele vai levar na bagagem o resultado daquelas pausas que fortaleceram esse vínculo, que construíram valores e memórias.

Uma vez mãe... mãe para sempre. Ela ai continuar a viver essas pausas, vai estar atenta a tudo, vai acompanhar o filho mesmo de longe e vai estar pronta para fazer o que preciso for, sempre que o filho dela necessitar.

Hoje é a sua vez de pausar o seu tempo para estar ao lado dela... e transformar poucos momentos em doces memórias e belas histórias.

Seja grato a sua mãe por suas incontáveis e infindáveis pausas... que, com certeza, te sustentam até hoje!

Grande e especial abraço a você, Mãe.
Isi

Textos sobre MÃE. Click no link e Boa leitura.

Mãe de menina.  Agora é com você, mamãe!

Os braços de uma mãe.  Coisas que só entendemos quando nos tornamos mãe.

Nem tente explicar.  A mais doce cumplicidade

Mães do Holocausto.  Sublime é amar quem não nasceu de nós, mas para nós!

Esculpindo Valores.  Só os Mestres enxergam!

O surpreendente amor de Mãe.  Marcas que as mães deixam na vida dos seus filhos.

Me acompanhe nas Páginas do Facebook

Bate-papo com Estilo Frases. Mensagens que Inspiram 

Equilíbrio Sentimental. Essência Feminina