Não tenhamos pressa, mas não percamos tempo. José Saramago

O valor do tempo!
Isi Golfetto
Antes do relógio todos tinham tempo... hoje todos têm relógios! E assim... de olho no amanhã a gente perde o agora... e, pensando no ontem... o tempo vai-se embora!
O tempo é gratuito, mas seu valor é incalculável... não se pode possuir o tempo,
mas se pode usar o tempo... não se pode guardar o tempo, mas se pode gastar
o tempo... e, uma vez que se perde o tempo, jamais se pode recuperar.
Quando o assunto é tempo há sempre aquela sensação crônica da falta de tempo. Quase sempre a agenda acorda com tarefas do dia anterior que não tivemos tempo para executar. Bem... para ganharmos tempo vamos logo para o texto e entender um pouco mais porque sempre alguém (incluindo nós mesmos), reclama que não tem mais tempo para nada.
A vida agitada e cheia de afazeres nos dá a impressão de que os anos estão passando rápido demais... que os meses estão voando... sem falar que faltam dias no final do mês... e horas no final do dia.
Para falar a verdade, muitas vezes, não temos nem uma vaga lembrança de onde as 24 horas vão parar todos os dias! 
Quase nunca conseguimos cumprir os compromissos em nossa agenda e as tarefas acumuladas interferem diretamente em nossa vida pessoal fazendo com que, cada vez mais, tenhamos menos tempo para nós mesmos. Assim, para vencer a falta de tempo fazemos várias tarefas, e muitas delas, ao mesmo tempo. E, a pressão do tempo passando nos leva a uma vida de ansiedade.
O homem pensa que perde tempo se não faz as coisas com pressa... mas, não sabe o que fazer com o tempo que ganha a não ser matá-lo.
Será que alguma vez paramos para refletir que a nossa vida tem prazo de validade?!
A vida é o dever de casa que trouxemos para fazer nessa vida... e como o poeta ponderou... quando a gente vê já são seis horas... quando a gente percebe já é sexta-feira... quando a gente se dá conta se passaram 50 anos... quando a gente menos espera perdemos o amor da nossa vida... agora é tarde demais para se arrepender!
Precisamos gerenciar nossos compromissos diários com eficiência. Quanto mais você valoriza o seu tempo, menos irá desperdiçá-lo.
Se você pudesse mudar algo em sua vida e em como está investindo o seu tempo, em que o faria?
Imagine que você seja cliente de um banco e toda manhã ao acordar tenha em sua conta corrente um saldo de R$ 86.400,00. 
Esse banco se chama TEMPO. Cada manhã você é beneficiado com um crédito de 86.400 segundos.
A má notícia é que todas as noites o seu saldo é zerado.
Que tal investir nas melhores ações como em sua vida familiar, profissional, com amigos, priorizar as pessoas que o valorizam, mas principalmente priorizar a sua vida pessoal porque, de fato, só o tempo é seu.
Como investir nesse tempo que foge? Qual é o valor desse tempo que corre?
Pergunte a um estudante que reprovou o ano escolar... o valor de "um ano"...
Pergunte a uma mãe que teve seu bebê prematuramente... o valor de "um mês"...
Pergunte ao editor de um jornal semanal... o valor de "uma semana"...
Pergunte aos amantes que estão esperando o momento de se encontrar... o valor de "uma hora"...
Pergunte a uma pessoa que perdeu um trem... o valor de "um minuto"...
Pergunte a uma pessoa que conseguiu evitar um acidente... o valor de "um segundo"...
Pergunte a alguém que venceu a medalha de ouro em uma olimpíada... o valor de "um milésimo de segundo”.
A boa notícia é que a cada manhã temos uma nova chance de começar novamente... e a oportunidade de decidir o que fazer com o tempo que ganhamos.
Onde e como empregar esse tempo?
Avalie seus compromissos diariamente.
Defina suas prioridades.
Mantenha o foco em seu objetivo.
Livre-se dos maus hábitos que desperdiçam o tempo.
Valorize as pessoas que tornam o seu tempo especial.
Invista em si mesmo! É o melhor uso do seu tempo.
Se não investir um tempo para criar a vida que você quer, você vai acabar sendo obrigado a gastar muito tempo vivendo uma vida que você não quer.  Porque diferente dos livros, não há como voltar na melhor parte da vida. 
Agradeço o tempo que investiu nesta leitura. Que seja de valor para a sua vida!
Um grande e forte abraço.
Isi

2 comentários:

  1. Há outro ditado muito popular sobre a pressa: "Quem tem pressa come cru". Esse é bem antigo!

    ResponderExcluir
  2. Quem aproveita bem o tempo, vivifica a propria vida.
    A vida e tempo, e, por outro lado, o tempo e vida.

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita! Volte sempre!